Praia do Areinho interdita pela Autoridade Regional de Saúde

A praia fluvial do Areinho, no Rio Paiva (Arouca) está interdita a banhos, de acordo com informação da Agência Portuguesa do Ambiente – Sistema Nacional de Informação de Recursos Hídricos (SNIRH) à Associação S.O.S. Rio Paiva.

Segundo esta entidade, a interdição é devida à presença de Salmonella nas análises à qualidade da água do Rio Paiva.

O SNIRH não adianta mais informações, remetendo mais esclarecimentos para a Autoridade Regional de Saúde do Norte (Departamento de Saúde Pública), entidade responsável pela interdição de águas balneares da região Norte. Neste sentido, a Associação S.O.S. Rio Paiva já solicitou mais esclarecimentos à ARS-Norte, nomeadamente, quais as diligências efetuadas para corrigir o problema.

A situação não é nova, e já aconteceu em anos anteriores, com avisos colocados na praia do Areinho.

Aviso de Salmonella na praia do Areinho – Arouca (2017)

A associação também contactou a Câmara Municipal de Arouca que recentemente emitiu um comunicado de imprensa relacionado com a poluição no Rio Paiva. O comunicado da autarquia não faz qualquer referência à interdição da praia fluvial do Areinho, referindo apenas que “a Câmara Municipal de Arouca não dispõe de elementos que lhe permitam concluir que se trataram de descargas poluentes” as situações reportadas nas redes sociais nos últimos dias. A autarquia referiu que “informou as entidades competentes desta ocorrência, estando a envidar todos os esforços para que seja posto cobro de modo permanente e definitivo a tais situações“.

A S.O.S. Rio Paiva questiona a C. M. de Arouca se tem conhecimento da origem da poluição na praia do Areinho, quais as diligências efetuadas para identificar a origem do problema e qual o tratamento dado às águas residuais do bar e instalações sanitárias do Areinho, frequentadas por largos milhares de pessoas durante o Verão.

A S.O.S. Rio Paiva colocou-se, mais uma vez, inteiramente disponível para colaborar com a Câmara Municipal de Arouca na identificação e denuncia de descargas poluentes no Rio Paiva e em outras iniciativas que contribuam para a conservação deste importante património natural, e continuará a trabalhar no sentido de identificar e denunciar todas as descargas poluentes no Rio Paiva.

Apelamos à população que nos envie qualquer informação sobre este assunto e denuncie às autoridades as descargas poluentes efetuadas para o Rio Paiva ou para os seus afluentes.

  2 comments for “Praia do Areinho interdita pela Autoridade Regional de Saúde

  1. Paulo
    23 Junho, 2019 at 0:35

    Boa noite, gostava de saber, se é assim tão difícil de descobrir de onde vem essas descargas… Penso que basta que se faça análises à água, em vários pontos pelo rio acima. Não compreendo a Câmara de Arouca, a ficar tão “relaxada” com essa situação… visto haver um investimento tão significativo nos passadiços do Paiva. Acho que deviam ponderar melhor as opções que fazem…ou querem que as pessoas frequentem os passadiços, e criam às condições necessárias no seu redor…ou preferem fechar os olhos a alguma coisa e deixam as águas do inverno limpar novamente o rio.

    • 24 Junho, 2019 at 14:33

      Olá Paulo. Já solicitamos esclarecimentos sobre as diligências efectuadas para apurar a origem da poluição no Areinho à Câmara de Arouca, Agência Portuguesa do Ambiente e Autoridade Regional de Saúde. Aguardamos informação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.